A BE propõe-se  colaborar com os docentes em atividades de articulação curricular, desenvolve ações que visam o desenvolvimento das literacias e a promoção da leitura.

A BE disponibiliza as seguintes serviços:

  • Visitas guiadas à BE / sessões de formação de utilizadores
  • Apoio à pesquisa e à elaboração de trabalhos
  • Tutoriais sobre ensino à distância, procura, validação, seleção e utilização da informação
  • Sessões sobre métodos e técnicas de estudo
  • Acompanhamento da leitura curricular e lúdica
  • Clube de Manga e clube de literatura
  • A BE vai à sala de aula / Aula na BE
  • Feiras do livro, exposição temáticas interativas
  • Encontros com escritores e outras personalidades
  • Concursos: Quiz de Ciências, CNL, concurso de escrita
  • Wokshops de desenho manga, cosplay, ativismo, etc

 Horário: 8:45 - 17:30

 

Para relembrar o Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas, a BE organizou uma exposição, com uma estrutura modular, que engloba Camões, Portugal Quinhentista e Comunidades Portuguesas. Para além do fundo documental sobre o tema, podem ser revisitados objetos etnográficos que marcam o nosso entrelaçamento com outras culturas e revelam como somos mestiços!

Para agendar uma visita guiada à exposição, basta contactar a BE.

 

20 de março de 2002

Timor, território ocupado por portugueses, japoneses, holandeses e indonésios ao longo de mais de 500 anos, conseguiu, finalmente, o reconhecimento à sua autodeterminação, tornando-se independente.

Nestes 19 anos de vida, foram vários os percalços políticos de domínio territorial. Porém, o povo timorense resiste às tentativas de desunião e persiste na valorização da sua cultura e do seu território à Natureza dado.

Celebrar a independência de Timor é pormo-nos do lado certo da história! Se ainda não o fez, visite a exposição na BE, até ao final desta semana.

Trata-se de uma história exemplar, da autoria de Mário Sacramento, escritor e crítico literário, mas também médico, que dedicou toda a sua vida a lutar pela liberdade em Portugal.  Figura relevante do movimento de oposição democrática ao regime do Estado Novo, Mário Sacramento foi perseguido e esteve preso em Caxias e no Aljube. "O Ápis" foi escrito na prisão e enviado aos seus filhos.

“Há histórias que atravessam o tempo, num halo de eternidade, mantendo a frescura. ‘O Ápis’ encerra essa grandeza intemporal, capaz de comover, eis a sua força, grandes e pequenos leitores”, escreve no prefácio o jornalista e escritor Francisco Duarte Mangas

Este documento audio apresenta a leitura do livro O ÁPIS de Mário Sacramento, realizada por Gil Rodrigues.

O nosso agrupamento, que integra a rede de escolas DecoJovem, foi convidado a participar na 4.ª edição da Net Viva & Segura.

No dia 20 de maio, às 10 horas, solicita-se a comparência das turmas do 9.º ao 12.º ano no workshop on-line. Brevemente, será fornecido o link para a sessão.

O Plano Nacional de Cinema (PNC) disponibiliza, a partir deste ano, às escolas parceiras, uma plataforma de filmes, de acesso gratuito, e um conjunto de recursos /dossiês pedagógicos.

Para conhecer a lista de filmes ou fazer uma requisição, basta contactar a BE.

Os 47 anos da Revolução de 25 de abril de 1974 foram lembrados, na EMS, com uma exposição de cartoons de crítica social elaborados naquele ano, que pode ainda ser visitada no átrio da escola. Na BE, encontra-se uma mostra de livros e de poemas.

"Nos 46 anos, 46 escolas por abril!"

Um ano após a data prevista, será finalmente inaugurado, frente ao Museu Nacional Resistência e Liberdade, em Peniche, o mural que resultou da colaboração de alunos de 46 escolas /agrupamentos. Tratou-se de uma iniciativa conjunta da Federação Nacional dos Professores ( Fenprof) com o Município de Peniche, a Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa, o Centro de Formação Profissional para a Indústria  Cerâmica (CENCAL), a União dos Resistentes Antifascistas Portugueses (URAP), a Associação 25 de Abril e  o parecer favorável da Direção-Geral do Património Cultural. 

No lado esquerdo, encontra-se o painel do nosso agrupamento.

 

A lembrar o Dia Mundial do Animal de Laboratório, que se comemora no dia 24 de abril, a BE organizou uma exposição, com visita guiada, sobre o tema da Experimentação Animal.

Para marcar uma sessão com alunos, basta dirigir-se à BE e fazer o agendamento.

Para o teu trabalho, podes partir da questão "O que perdi e o que ganhei durante a fase em que a minha relação com o mundo ficou limitado aos media?"

Consulta aqui o regulamento.

Vê o tutorial, para ficares mais à vontade com a linguagem audiovisual.